wok-testeira

NOTÍCIAS

Porto Alegre, 28/08/15

Uso de energia solar ajuda a reduzir despesas

Reduzir as despesas com energia elétrica, proteger o empreendimento da falta da mesma e ainda utilizar um sistema ecologicamente correto é o que se obtém com o uso de energia fotovoltaica, a partir da luz solar diretamente convertida em eletricidade. Na Capital, esse serviço vem sendo oferecido há dois anos pela Arcsolar, que desenvolve sistemas de microgeração e minigeração de energia em áreas residencial e comercial.

Casa zona sul com energia solar

Desde dezembro de 2012, a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) possibilitou essa prática, fazendo com que o cliente pague somente a diferença entre o que gerou e consumiu de energia e, a partir daí, a Arcsolar passou a desenvolver produtos como os redutores de consumo e protetores de consumo (no break solar). “Possibilitamos que os clientes tornem-se geradores de sua própria energia. As instalações são simples, não alteram os projetos elétricos e se adaptam às necessidades de geração de energia ou proteção contra a falta dela”, explica o proprietário da empresa, o engenheiro Gustavo Marques.

Utilizando uma tecnologia consolidada mundialmente, principalmente na Europa, Estados Unidos e China, principal fornecedor da matéria-prima, o investimento desponta como vantajoso diante do aumento constante do preço da energia elétrica e tem um retorno médio de investimento entre cinco e sete anos. Os custos variam de acordo com o local de instalação, projeto e componentes empregados. “Há ainda possibilidade de gerar a energia em um local e usar o crédito em outro, caso utilize a mesma concessionária. Uma pessoa que tem um apartamento na Capital e casa na praia,ambas atendidas pela CEEE, pode instalar o sistema fotovoltaico na casa e abater o crédito do consumo de energia do apartamento”, explica.

Com quatro projetos consolidados e dois em operação, o engenheiro aponta o de instalação de um medidor de energia bidirecional, há pouco mais de um ano, como precursor. Desenvolvido com a concessionária RGE para o Restaurante Mercato, de Cachoeirinha, o sistema permite tanto o registro do consumo quanto da geração de energia. O outro, pronto para funcionamento, está em uma casa localizada na zona Sul de Porto Alegre e partiu da vontade do cliente de garantir proteção contra constantes quedas de energia. O sistema instalado, o no break solar, além de proporcionar isso, irá gerar redução de 10% a 20% no consumo mensal da residência. O projeto ainda está em análise junto à CEEE.

Com grande potencial de crescimento no País, por conta da alta incidência de irradiação solar, o segmento ainda sofre com a desconfiança do consumidor, por conta da regulamentação recente, falta de informação e com itens como cobrança do ICMS sobre o saldo de energia gerada e consumida (e não sobre o total consumido), falta de incentivos dos governos, falta de liberação para definição do horário de ponta (onde o preço da energia é mais alto para o consumidor) por parte das concessionárias, falta de possibilidade de venda do excedente de energia produzida e, principalmente, demora das concessionárias na avaliação dos projetos.

Fonte: http://jcrs.uol.com.br/ em Agosto de 2015.

Porto Alegre, 07/07/15

Presidente Obama planeja facilitar o acesso a Energia Solar para os pobres

WASHINGTON — A administração do Obama anunciou na quinta, 02 de julho, uma iniciativa de ajuda para as classes B e C de acesso à Energia Solar, parte de uma série de passos que o Presidente Obama está dando para combater a mudança climática, de acordo com oficiais da sua administração.

Barack Obama Solar Power

Sua administração disse que pretende triplicar a capacidade de energia solar e de outros sistemas de energias renováveis até 2020, facilitando o financiamento para donos de residências.

Essas ações foram anunciadas em Baltimore por Brian Deese, primeiro conselheiro de Obama para assuntos sobre o clima e pelo seu representante Elijah E. Cummings, o Democrata que representa a cidade.

Brian Deese, em uma entrevista à mídia local, chamou essas ações de "parte de um esforço maior para motivar a inovação" para soluções de energias limpas e de baixas emissões.

Fonte: http://www.nytimes.com/ em Julho de 2015.

Porto Alegre, 06/07/15

Japão inaugura usina solar gigante 2 anos após desastre nuclear.

Painéis de Energia SolarLeia Mais...

Porto Alegre, 20/06/15

Bateria da Tesla pode superar iPhone na corrida de US$ 1bi?

baterias da TeslaLeia Mais...

Porto Alegre, 05/06/15

Quando vale a pena investir em sistema de energia solar

Painéis de Energia SolarLeia Mais...

Porto Alegre, 06/07/15

Avião Solar Impulse pousa nos EUA após voo de 5 dias com energia do sol

Avião ImpulseLeia Mais...